Deputado Marcos Martins realiza debate sobre o desmonte da aposentadoria e dos direitos trabalhistas  

 

O mandato do deputado estadual Marcos Martins realizou no último sábado, 13/5, mais um debate sobre as reformas da previdenciária e trabalhista propostas pelo Governo Federal. Na oportunidade, centenas de pessoas atenderam ao convite do parlamentar e compareceram à atividade com o objetivo de ver “traduzidas” as temidas mudanças.

Convidado especial, o presidente do Sindicato dos Metalúrgicos de Osasco e Região, Jorge Nazareno, falou da importância da mobilização dos trabalhadores para conter o que qualificou de “ataques do governo”. Na opinião do debatedor, se aprovadas, as reformas de Temer comprometerão o futuro das novas gerações, “gerando imensa precarização laboral”.

Marcos Martins, por sua vez, destacou a importância de lutar pela manutenção de direitos. “Não podemos deixar esse governo retirar direitos conquistados por nós, trabalhadores, por nossos pais e avós. As reformas trabalhista e previdenciária precisam ser denunciadas e combatidas sem vacilações.”, afirmou o parlamentar durante o encontro.

Segundo as propostas encaminhadas pelo governo e sua base parlamentar, a Reforma Trabalhista deve mudar questões importantes como as bases contratuais sobre jornada de trabalho, terceirizações, deslocamento, intervalos, férias e gravidez. O pior de tudo, segundo o deputado é que “a medida deve enfraquecer o poder de negociação dos sindicatos de trabalhadores frente aos sindicatos patronais”.

Já sobre a Reforma Previdenciária, que ao que tudo indica deve ser o objetivo maior do Governo Temer e sua base, as mudanças propostas recaem sobre idade mínima de aposentadoria, tempo de contribuição, aposentadorias especiais, trabalhadores rurais e pensões.